Publicado em: sexta-feira, 21/10/2011

Presidente do Inter não garante Beira-Rio na Copa

O presidente do Internacional, Giovanni Luigi, afirmou que não pode garantir, neste momento, que o Beira-Rio estará pronto para receber os jogos da Copa do Mundo em 2014. A capital gaúcha foi excluída da Copa das Confederações, em 2013, por conta dos atrasos das reformas em seu estádio.

De acordo com o mandatário do clube gaúcho, não se pode dar uma garantia da conclusão das obras no Beira-Rio porque neste momento o contrato entre o Internacional e a construtora Andrade Gutiérrez segue sendo analisado pelo conselho do time de Porto Alegre.

Alguns conselheiros do Inter querem o veto ao contrato, alegando ser oneroso ao clube, e com isso, a reforma do estádio se tornaria inviável. Na próxima semana é aguarda uma reunião para que seja definido se o contrato com a construtora será firmado ou não.

Na quinta-feira (20) a Fifa confirmou a tabela da Copa do Mundo e da Copa das Confederações. Porto Alegre irá receber cinco jogos no Mundial, quatro da primeira fase e um das oitavas de final, enquanto que do evento teste, em 2013, não irá participar.