Publicado em: segunda-feira, 05/12/2011

Presidente do Atlético-MG não esconde revolta com goleada

O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, é conhecido por declarações polêmicas e atitudes consideradas por muitos ‘intempestivas’. No domingo (05), ao fim do Campeonato Brasileiro, o dirigente do clube mineiro deu mais uma demonstração de seu temperamento.

Visivelmente irritado com a goleada que o ‘Galo’ sofreu para o Cruzeiro na última rodada, Kalil disse em entrevistas à rádios mineiras que estava cancelando o pagamento do bicho prometido aos jogadores caso eles conseguissem livrar a equipe do rebaixamento.

O Atlético-MG corria sério risco de cair para a Segunda Divisão, o Kalil prometeu dar um prêmio de R$ 1 milhão aos jogadores caso o time se livrasse do rebaixamento. O Galo reagiu e conseguiu a permanência na Série A na penúltima rodada.

Entretanto, a goleada sofrida pelos atleticanos, por 6 a 1, para o arquirrival Cruzeiro irritou o dirigente, que cancelou a promessa. Kalil ainda chegou a insinuar que os jogadores de sua equipe poderiam ter ‘entregues’ a partida, para beneficiar o adversário, que precisava da vitória para permanecer na Série A.