Publicado em: segunda-feira, 24/02/2014

Por segurança, avião da TAM faz pouso não previsto nas Ilhas Canárias

Por segurança, avião da TAM faz pouso não previsto nas Ilhas CanáriasUm avião da TAM, que seguia de Frankfurt a São Paulo no sábado (21), fez um pouso não previsto nas Ilhas Canárias, território espanhol, para verificações de segurança, e só chegou a Guarulhos na madrugada desta segunda-feira. Segundo relatos de passageiros, um cheiro forte de plástico queimado foi sentido na aeronave antes do pouso.

Ao todo, 234 pessoas viajavam no voo JJ9374 234, que tinha ainda 17 tripulantes. O pouso de segurança foi realizado para fazer uma inspeção no equipamento chamado “recirculation fan”, auxilia na circulação do ar na cabine de um dos banheiros. O cheiro chegou a ser associado a uma carga de materiais tóxicos que era transportada no porão da aeronave, mas a TAM informou que não havia relação entre os produtos e o cheiro sentido pelas pessoas a bordo.

Veículos de imprensa das Ilhas Canárias chegaram a noticiar o fato como sendo um pouso forçado, informação que também foi desmentida pela companhia, que classificou apenas como uma parada fora de escala. Segundo a TAM, o procedimento não colocou em risco a segurança do voo, e foi realizado para garantir o conforto dos passageiros.

Carga não teve nenhuma relação com o problema

Ainda de acordo com a empresa, a carga transportada seguia as normas da Associação Internacional de Transportes Aéreos. Segundo a TAM, o avião transportava produtos agrícolas e, ao contrário do que chegou a ser divulgado na imprensa, não houve qualquer sinal de fumaça vinda do compartimento de carga, apenas o cheiro desagradável pela falha do equipamento.

Quando o avião realizou o pouso nas Ilhas Canárias, a carga que já havia sido inspecionada antes da decolagem passou por nova verificação, na qual também não foi constatado qualquer problema. O avião já estava voando a cerca de três horas quando o cheiro foi sentido pelos passageiros, e durou cerca de 10 minutos, segundo relatos.