Publicado em: sábado, 10/12/2011

Polícia identifica atirador da Universidade de Virginia Tech

O atirador da Universidade de Virginia Tech, que matou um policial na quinta-feira (8) dentro do campus, foi identificado na sexta-feira (9) como Ross Truett Ashley, de 22 anos, estudante da Radford University, em Radford, próxima ao local onde aconteceu o crime. O atirador roubou uma SUV no dia anterior ao crime e dentro do veículo estava a arma que foi usada. Ashley cometeu suicídio com a mesma arma usada para matar o policial.

Foi possível fazer o vínculo entre o suicídio e o assassinato em Virginia Tech por conta dos testes balísticos que comprovaram que a arma usada era a mesma. A polícia local relatou que Ashley entrou em um escritório imobiliário em Radford na quarta-feira (6) quando já estava armado e exigiu as chaves da Mercedes Benz 2011 branca a um empregado. A polícia afirmou que não conseguiu estabelecer nenhum vínculo entre Ashley e o policial que foi morto e também não encontraram indícios dos motivos que levaram ao suicídio.

O episódio dessa quinta-feira fez voltar à memória os acontecimentos de 2007, quando um então aluno entrou armado na Virginia Tech e matou 32 pessoas, sendo que um deles era um professor. Depois de ter atirado contra seus colegas, o estudante cometeu suicídio.

Na Universidade foi encontrada uma mochila usada por Ashley, na qual estavam guardadas as roupas que ele usou enquanto estava no local. Acredita-se que ele tenha se trocado antes de ir ao local onde cometeu suicídio. O policial deixou a sua mulher e cinco filhos e trabalhava no campus desde 2007.