Publicado em: terça-feira, 09/08/2011

Polícia britânica acredita que BlackBerry seja a ferramenta de comunicação mais usada pelos manifestantes

Investigações sobre a organização para a realização de ataques violentos em Londres levam a acreditar que o aplicativo usado pelos manifestantes é o BlackBerry Messenger, do smartphone BlackBerry, produzido pela Research In Motion (RIM). Esse serviço permite a troca de mensagens instantâneas e gratuitas entre os usuários do telefone, o que estaria auxiliando no planejamento para os próximos ataques. Além disso, manifestantes comentam sobre as ações em tempo real e publicam fotos na internet.

Em contrapartida, a empresa responsável pelo BlackBerry publicou na sua página oficial na rede de microblog Twitter que vai ajudar a polícia da maneir como for possível na contenção dos ataques. De acordo com o texto publicado pela conta @UK_BlackBerry “sentimos por aqueles afetados pelos tumultos em Londres. Nós nos comprometemos com as autoridades para auxiliar no que for possível.” Na Inglaterra, o telefone da empresa é o líder do mecado, com 37% da preferência dos jovens.

Ao mesmo tempo, as mensagens publicadas na internet podem ser interpretadas de maneira equivocada. Cobertura realizada pelo jornal Daily Mail publicou uma mensagem, também divulgada no Twitter, pela internauta AshleysAR. No texto impresso, a garota teria afirmado “ouvi que Tottenham está uma loucura agora. Vejam como eu vou me juntar.”

Porém, ao conferir o texto na íntegra publicado na internet, a jovem escreveu “ouvi que Tottenham está uma loucura agora. Vejam como eu vou me juntar com uma pistola d’água :|”. Com isso, especialistas afirmam que o papel das mídias e das redes sociais pode estar sendo interpretado erroneamente.