Publicado em: sexta-feira, 06/01/2012

Polêmica: CEO do Twitter admite editar os Trending Topics

O CEO do Twitter, Dick Costolo, afirmou em um comentário na rede social que a empresa remove dos Trending Topics termos considerados inapropriados. Ele respondeu a uma seguidora: “Os trends são algorítmicos. Não são escolhidos por nós”, mas completou no final que são retirados qualquer um que contenha obscenidades, além de revelar que gostaria de remover ofensas claras também.

A relação dos tópicos mais comentados é feito de forma automática. Mas não é segredo que existe um nível de intervenção em alguns casos. Por exemplo, no dia 27 de julho, quando o Twitter precisou remover o termo #foraricardoteixeira, quando o uso da hashtag foi considerado ação de spam.

É importante destacar também que embora Costolo tenha afirmado que gostaria de ver algum tipo de edição sobre as “ofensas claras”, foi tomado um cuidado especial com suas palavras. Ele deixou claro que era sua opinião pessoal e não o posicionamento da empresa.

O Twitter teria muito trabalho para desenvolver um tipo de ferramenta ou equipe que fosse capaz de realizar uma tarefa de triagem no conteúdo. As obscenidades são facilmente identificadas, já as ofensas não são facilmente classificadas, por estarem ligadas a algum contexto, mais difícil de detectar.