Publicado em: sábado, 11/08/2012

Plano destina R$ 2,7 bilhões para agricultura familiar do Paraná

Plano destina R$ 2,7 bilhões para agricultura familiar do ParanáOntem foi feito o lançamento do novo Plano Safra da Agricultura Familiar (2012/2013). De acordo com o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, o governo reservou cerca de R$ 2,7 bilhões que serão destinados para a agricultura familiar no estado do Paraná. O lançamento do programa estadual foi feito em Curitiba. O Paraná vai receber 12,1% do total destinado a todo o país. Serão R$ 22,3 bilhões que o governo federal reservou para os gastos com agricultura familiar. Esse dinheiro será utilizado para oferta de crédito, seguro da produção contra desastres ambientais e climáticos, além de oferecer serviços de assistência técnica. Segundo o Ministro, é preciso investir no campo, pois das 16 milhões de pessoas que vivem em situação de pobre, 8 milhões estão no campo, o que significa que é preciso elaborar políticas próprias para esse setor populacional. O objetivo do governo, segundo Pepe Vargas, é criar uma classe média rural. Esse ano o governo deve destinar mais R$ 2,6 bilhões ao Paraná. Esse recurso faz parte do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), que oferece crédito rural aos produtores. Parte desse dinheiro deverá ser usada para investimentos e outra metade para o financiamento da produção.

Banco do Brasil contribui para o financiamento de 75% da agricultura familiar

Segundo Osmar Dias, vice-presidente de Agronegócios do Banco do Brasil (BB), a instituição tem o papel de contribuir com a agricultura. Ele salientou que 75% dos financiamentos da agricultura familiar são feitos pelo banco. Segundo ele não faltará dinheiro para o setor e, se isso ocorrer, o banco terá o papel de colocar mais dinheiro a disposição. O BB também financia moradias rurais evidenciando uma nova política de moradia rural que não existia até então. Quem é beneficiado do Pronaf pode construir também.