Publicado em: quinta-feira, 12/05/2011

PF prende chefe da Receita em Pernambuco

O ex-chefe da Receita Federal em Caruaru, Pernambuco, Saulo de Tarso Muniz dos Santos, foi preso na manhã de quarta-feira (11), em Maceió, pela Polícia Federal.

A detenção de Santos integra a uma operação deflagrada pela PF, que apura um esquema de corrupção, que incluía lavagem de dinheiro e sonegação. O sistema de fraudes fazia com que falsas declarações de impostos de renda de determinados contribuintes fossem geradas por Santos, em troca de propina.

Santos teria acumulado um patrimônio avaliado em mais de R$ 12 milhões, com mais de 40 bens espalhados por várias cidades de Pernambuco e Alagoas. A Polícia Federal levantou suspeita sobre Santos por conta da incompatibilidade de seu patrimônio e o salário recebido como funcionário da Receita.

A operação da Polícia Federal, batizada de ‘Incongruência’, mobilizou uma equipe de mais de 60 agentes e também obedeceu a 17 mandados de busca e apreensão. A PF não informou se outras prisões chegaram a serem feitas durante a ação.