Publicado em: segunda-feira, 24/02/2014

PF diz que mandado de prisão de Jefferson sairá na segunda-feira

PF diz que mandado de prisão de Jefferson sairá na segunda-feiraO mensalão ganha mais um capítulo, conhecido como o delator do esquema que levou e prisão de 23 pessoas, o ex-deputado Roberto Jefferson recebeu a prisão aprovada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, na última sexta-feira (21) e a manhã deste sábado, a Polícia Federal anunciou que o mandato de prisão do ex-parlamentar deverá sair na segunda-feira (24).

O anúncio da prisão de Roberto Jefferson foi dado através de uma nota na conta oficial da Polícia Federal no Twitter.

Em caso de prisão decretada, o Supremo envia o mandato à polícia para que assim a prisão seja efetuada.

Para evitar qualquer tipo de fuga do ex-deputado, a PF anunciou também que desde a manhã deste sábado (22), uma viatura policial permanecerá acampada em frente à residência de Roberto.

Incomodado com a presença dos policiais, Jefferson saiu na sacada e afirmou que só irá se entregar com uma ordem de prisão, caso contrário permanecerá em casa. Satirizando, o ex-parlamentar ofereceu uma impressora para que a polícia pudesse emitir a ordem de prisão.

Na tarde da última sexta-feira (21), o presidente do STF, Joaquim Barbosa negou que Roberto cumprisse a pena em prisão domiciliar. Condenado no ano passado a 7 anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o ex-deputado afirmou que a medida do presidente do Supremo é tirada, pois necessita de cuidados médicos para dar continuidade ao tratamento contra o câncer.

Roberto Jefferson vem a ser o 19º preso no caso de corrupção conhecido como Mensalão. Ao todo, 25 pessoas foram condenadas, mas seis pessoas ainda não foram detidas, um deles é o ex-presidente do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, que fugiu para Itália logo após a condenação. Pizzolato foi detido pela polícia italiana desde o início do mês, mas ainda não foi extraditado para o Brasil.