Publicado em: terça-feira, 07/01/2014

PF afirma que apreensão de droga foi recorde no ano passado

PF afirma que apreensão de droga foi recorde no ano passadoA Polícia Federal noticiou nesta última segunda-feira que ano passado, o batalhão bateu o recorde notável na apreensão de cocaína, maconha e de posses que competiam a coordenações de negócio de drogas.

Em 2013, a polícia apreendeu 35,7 toneladas de cocaína e 220,7 toneladas de maconha. Em comparação as posses de indivíduos e bandos abarcados no tráfico de drogas, foram apreendidas R$ 80,1 milhões. O assessoramento da Polícia Federal avisou que os subsídios satisfazem a intervenções que ocorreram até o dia 10 de dezembro de 2013.

Segundo a polícia, o recorde anterior de apreensão de cocaína e maconha havia sido registrado em 2007, com 18.86 toneladas de cocaína e 221,86 de maconha.

Em 2011, as apreensões das ervas aumentaram 198,5 toneladas à medida que em 2012 completaram 131 toneladas.

Em comunicado anunciado pela PF, o dirigente geral da corporação, Leandro Daiello, conta que entre as origens para o recorde de droga apresada estão a ampla apresentação da polícia nas barreiras brasileiras e desarticulação de imensas coordenações de tráfico de drogas.

Segundo Daiello, a contagem memorável de apreensões ainda se dá pelo episódio de a polícia ter aprimorado sua eficácia e acrescentado o apontador de operações concretizadas. De acordo com a polícia, foram efetuadas 218 operações em 2008 ante 289 em 2013.