Publicado em: terça-feira, 03/03/2015

Pesquisa indica que tomar café todo dia garante artérias mais limpas

Para ajudar a evitar que suas artérias acabem entupidas de gordura, o consumo diário de algumas xícaras de café pode ser muito benéfico, diminuindo o risco de desenvolvimento de doenças cardíacas. A informação foi garantida por pesquisados da Coréia do Sul, reabrindo um debate sobre os benefícios do café para o bom funcionamento do coração. Os pesquisadores realizaram um estudo analisando mais de 25 mil funcionários, mulheres e homens. Eles passaram por exames de saúde de rotina no ambiente de trabalho e aqueles que bebiam uma quantia moderada de café, algo entre três e cinco xícaras diárias, apresentavam um risco menor dos primeiros sinais de doença cardíaca.

Ainda existem muitas dúvidas sobre os efeitos que o café pode ter na saúde do coração, entretanto, alguns estudos vem relacionamento o consumo da mesma bebida com o desenvolvimento de fatores de risco cardíaco, como por exemplo a pressão arterial ou colesterol mais alto. Outras pesquisas, porém, indicam que o consumo da bebida seria na verdade uma forma de proteger o coração. Por isso, os efeitos do café sobre a saúde cardíaca ainda é motivo de dúvida. Pesquisa indica que tomar café todo dia garante artérias mais limpas

No último estudo, dos pesquisadores sul coreanos, os cientistas usaram como base exames médicos para avaliar a condição da saúde do coração, buscando especificamente por doenças nas artérias responsáveis por irrigar o coração, as coronárias. No caso das doenças coronárias, o acúmulo gradual de material gorduroso é o responsável por entupir as artérias. Com um método específico, os pesquisadores conseguiram visualizar pequenos depósitos de cálcio também nas paredes das artérias. Isso foi o suficiente para ter uma pista sobre a ocorrência das doenças coronárias.

As pessoas que participaram do estudo não tinham qualquer sinal visível da doença, mas cerca de 10% apresentaram depósito de cálcio nos exames. As pessoas foram acompanhadas e aquelas que consumiam uma certa quantia diária da bebida apresentavam menos probabilidade de desenvolver o depósito de cálcio nas artérias, do que as pessoas que não bebiam nada ou bebiam muito além disso. Os próprios pesquisadores admitem que serão necessárias mais pesquisas para confirmar e explicar a ligação do consumo de café com a saúde do coração.