Publicado em: quinta-feira, 20/03/2014

Pesquisa aponta China como grande mercado de games nos próximos anos

Pesquisa aponta China como grande mercado de games nos próximos anosUma pesquisa da empresa Tencent, apresentada nesta quarta-feira, mostrou que a China deve se tornar o grande mercado de games do planeta nos próximos anos. Isso porque a venda de tablets e smartphones no país só engrenou recentemente e, com isso, a tendência é de que o país ganhe milhões de novos gamers em breve.

Por isso a Tencent sugeriu, durante a GDC (Game Developers Conference), que os desenvolvedores ocidentais de jogos passem a dar mais atenção para o mercado chinês, atualmente pouco explorado, apesar de todas as suas potencialidades.

Vendas

Os números sobre o mercado chinês foram apresentados por Steve Gray, diretor da Tencent, e serviram como um verdadeiro alerta para quem vive do desenvolvimento de jogos. De acordo com Gray, é preciso encontrar meios para lançar games na China com urgência.

O executivo ressaltou que, em 2014, a expectativa é de que os chineses adquiram 400 milhões de dispositivos móveis, principalmente devido ao desenvolvimento local de modelos mais baratos. Com tantos smartphones e tablets sendo vendidos, é natural que haja um “boom” de novos jogadores, o que pode ser excelente para os negócios. O executivo ressaltou, também, que os chineses preferem games de ação, estratégia e RPG. Portanto, desenvolvedores destes segmentos devem prestar ainda mais atenção no mercado chinês.

Tipos de jogos

Segundo Steve Gray, tanto games simples quanto os mais complexos terão espaço com esta nova tendência. Geralmente os usuários começam a se aventurar em jogos mais básicos, mas que ofereçam desafio e diversão. Posteriormente, começa a ser dada maior atenção para títulos complexos, com enredos mais aprofundados, maior número de personagens, missões, cenários etc.

Em ambos os casos, segundo o executivo, há a possibilidade de retorno financeiro satisfatório. No primeiro caso, de jogos mais simples, há uma monetização quase que imediata, mas geralmente menos duradoura. Essa verba aparece principalmente através de publicidade, como os anúncios que surgem entre uma partida e outra de jogos como Fruit Ninja, Angry Birds e Jetpack Joyride, dentre vários outros.

No caso dos jogos mais complexos, o retorno financeiro pode ser mais lento, mas costuma perdurar. Nestes casos, há um número muito maior de possibilidades de monetização dos games, como a criação de lojas de leilões dentro dos próprios games, prática muito adotada por empresas desenvolvedoras de RPGs, como a Blizzard. Nestes casos, os usuários podem comprar e vender itens dentro do game, utilizando dinheiro real. Todas as transações financeiras realizadas no jogo têm uma parcela do dinheiro destinada ao desenvolvedor.

Gamers de PC

Por fim, Steve Gray mencionou que os chamados gamers de PC – ou seja, aqueles que costumam jogar apenas no computador – estão cada vez mais dispostos a participar de jogos em tablets e smartphones. Este público, embora seja um pouco mais exigente do que aquele que joga apenas em dispositivos móveis, é conhecido por gastar bastante dinheiro com jogos eletrônicos. Em relação ao mercado chinês, este tipo de gamer é o mais comum, o que faz dele um dos públicos mais interessantes para novos jogos.