Publicado em: segunda-feira, 17/02/2014

Pesquisa afirma que jogos violentos tornam jovens mais imaturos

Pesquisa afirma que jogos violentos tornam jovens mais imaturosCientistas canadenses analisaram o comportamento de 100 adolescentes que possuíam idades entre 13 e 14 anos, estudantes de 7 escolas em Ontário, leste do Canadá. Mais da metade deles jogava videogame diariamente, cerca de três horas por dia, com preferência por jogos violentos. Para os estudiosos, jogos violentos são aqueles nos quais os jogadores mutilam, decepam a cabeça ou matam outros personagens.

Observando os tipos de jogos, o tempo gasto e a influência exercida, a conclusão dos pesquisadores foi que jogar esse jogos por muito tempo pode prejudicar o amadurecimento moral dos adolescentes, distorcendo sua percepção sobre o que é certo e errado e diminuindo seu sentimento de solidariedade com outras pessoas.

Embora alguns adolescentes possam jogar videogame sem desenvolver mudanças no comportamento, as dificuldades são percebidas naqueles que passam mais de 3 horas por dia em frente à TV ou tela de computador, brincando com games violentos e sem interação com o mundo real.

Atraso

Para os pesquisadores, passar muito tempo jogando nesse mundo de violência virtual impede que esses adolescentes vivam experiências sociais mais positivas no mundo real. O costume acaba os tornando psicologicamente atrasados, uma vez que sentimentos de empatia ao próximo, preocupação e solidariedade, acabam não sendo desenvolvidos adequadamente. Nos adolescentes que jogam outros tipos de jogos essas evidencias não foram encontradas.

Para os pais desses jovens que preferem os jogos violentos, os estudiosos sugerem que o adolescente seja reinserido em situações em que observem outras pessoas e suas necessidades como, por exemplo, trabalho voluntário.