Publicado em: terça-feira, 28/01/2014

Pelo menos quatro pessoas morrem após queda de passarela no Rio de Janeiro

Quatro pessoas morrem após queda de passarela no Rio de JaneiroNa manhã de hoje, no mínimo quatro pessoas morreram e três ficaram feridas depois que uma passarela da Linha Amarela, no bairro Pilares, na região da zona norte do Rio de Janeiro caiu. A estrutura despencou depois que foi atingida por uma caçamba de um caminhão. Com o acidente, pelo menos dois carros ficaram esmagados. A passarela mede aproximadamente 4,5 metros de altura. Os bombeiros ainda fazem o atendimento no local.
De acordo com informações da rádio CBN, um homem foi arremessado perto a um canal que divide a via. Um motorista relatou que viu a vítima sendo projetada da passarela na hora do acidente. Marcos Vinícius Rodrigues, que estava no local do acidente, disse que achou que um pneu do caminhão atingiu seu carro.

Ele afirmou que escutou um barulho e o carro dele chegou até ser lançado para outro lado. Foi nesta hora que ele saiu para ver o que estava acontecendo, e observou que um rapaz de camisa lilás foi arremessado da via. Ele ainda disse que ele foi arremessado no canal e que estava se afogando, quando dois rapazes foram até lá para retirarem a vítima dali. O homem ainda falou emocionado que a situação aconteceu de repente e que poderia até ser ele.

Outras testemunhas ainda relataram para os bombeiros que no mínimo duas pessoas que estavam no local foram arremessadas da estrutura na hora do acidente. Um táxi foi totalmente destruído. Duas vítimas foram socorridas até às 10 horas.

Para ajudar no resgate, um helicóptero do Corpo de Bombeiros posou em um campo de futebol para retirar as vítimas dali. Ainda não há previsão para a via ser liberada, segundo a prefeitura.
De acordo com a Lamsa, concessionário responsável pela passarela, técnicos do Controle da Linha Amarela estão auxiliando os bombeiros e analisando as imagens das câmeras de segurança para ter certeza se o acidente foi mesmo provocado pelo motorista do caminhão.

Segundo informações da concessionária, o veículo estava andando de forma irregular na pista, já que neste horário é proibido a circulação de veículos desse porte.
A estrutura será levantada por um guindaste que está sendo encaminhado para o local.