Publicado em: terça-feira, 12/07/2011

Paulo Passos oficialmente confirmado como novo ministro dos transportes

Com a exoneração do ex-ministro dos transportes, Alfredo Nascimento, o Diário Oficial da União publicou hoje (12) a confirmação do nome de Paulo Passos (PR) para assumir o comando da pasta. A cerimônia de posse deve ser realizada amanhã. O pedido para que Passos assumisse o cargo foi feito ontem (11) pela presidente Dilma Housseff (PT), decisão que contraria a vontade da sigla que tem o Ministério dos Transportes como participação efetiva no Governo Federal.

A bancada do PR no governo tentou indicar outros nomes para que a presidente efetivasse alguma das suas sugestões, pois o Partido não concorda com a nomeação de Passos por conta de desavenças dentro da própria sigla. Porém, as outras possibilidades que poderiam assumir a pasta não agradaram a presidente. Agora, Dilma já marcou uma reunião com a bancada do PR para tentar amenizar a crise do partido.

Após a denúncia de superfaturamento em licitações feitas pelo Ministério do Transporte ter sido divulgada por uma reportagem da revista Veja, as investigações começaram a ser feitas dentro do Ministério e gerou uma crise no governo. A princípio, o ex-ministro Nascimento havia deixado seu cargo à disposição de Dilma, mas ela não aceitou que ele se demitisse do cargo.

Porém, conforme foi pressionado com o desenvolvimento das apurações e o surgimento de dúvidas relativas ao patrimônio da sua família, tendo inclusive um filho envolvido no escândalo, Nascimento entrou seu pedido de demissão em caráter “irrevogável”. Com isso, Passos assumiu interinamente o cargo, sendo agora efetivado para parmanecer no governo.