Publicado em: terça-feira, 10/03/2015

Paulo Betti fala sobre a repercussão do personagem Téo Pereira

Depois de vários meses interpretando o caricato jornalista Téo Pereira, o ator Paulo Betti, de 62 anos, revelar estar satisfeito com a repercussão de seu personagem ao longo desse período, na novela de Aguinaldo Silva, Império. Durante a novela, o jornalista que alimenta um blog de fofocas divertiu o público, criando uma relação de amor e ódio entre internautas nas redes sociais, com seu comportamento muitas vezes venenoso, sempre preocupado em garantir muitos cliques em seu portal de fofocas. Na última semana, o ator comentou sobre o histórico do personagem.

O ator comentou que estava muito feliz com o sucesso de Téo Pereira, porque se tratava de um personagem arriscado, agradecendo ainda ao diretor da novela, que permitiu ao ator criar uma série de trejeitos e manias do blogueiro. Betti ainda declarou que estava muito feliz, porque Téo foi um personagem batalhado, que foi preciso esforço até que as pessoas se acostumassem com ele, já que era algo estranho, com uma fala exagerada. Ele lembra que no começo foi difícil obter aceitação, mas que em pouco tempo o público passou a curtir o papel. Mesmo sabendo que existe uma boa torcida pelo blogueiro, o ator sabe que uma boa parte do público não aceitou o personagem até hoje, por considera-lo muito forçado.Paulo Betti fala sobre a repercussão do personagem Téo Pereira

O ator admitiu que existe uma pequena porcentagem do público que tem raiva do papel, mas lembra que todos os personagens sobre um certo grau de rejeição. Isso teria relação com o jeito que ele escolheu para falar e também pontuar as frases de Téo Pereira. Ele conta que já ouviu pessoas afirmando que não aguenta mais ver “aquela bicha” na televisão. Já nas ruas, a receptividade para Téo Pereira é muito grande e o ator costuma ser abordado com frequência nas ruas para tirar fotos ou mesmo pedindo para que ele repita os trejeitos do blogueiro. O ator encara com bom humor esse lado positivo do personagem, comentando adorar receber fotos do público reproduzindo Téo Pereira, com suas frases mais célebres.

Apesar disso, Paulo Betti recriminou o tipo de jornalismo praticado por Téo Pereira, afirmando que tem muitos colegas da profissão que já sofreram nas mãos de profissionais como o de seu personagem.