Publicado em: sexta-feira, 10/09/2010

Pastor cancela queima do Alcorão

O pastor norte-americano que havia prometido queimar o Alcorão, livro sagrado para os muçulmanos, mudou de ideia e não irá realizar o ato, inicialmente programado para sábado (11).

Terry Jones, pastor evangélico radical da Flórida, pretendia queimar 200 exemplares do Alcorão no sábado, em lembrança aos atentado de 11 de setembro. O pastor já havia prometido realizar tal ato na quinta-feira, mas suspendeu o plano.

Após a ameaça de Terry Jones vários protestos foram registrados no Afeganistão, com bases da Otan sendo apedrejadas. Líderes da comunidade muçulmana chegaram a afirmar que o ato prometido pelo pastor colocaria a paz mundial em risco.

Líderes cristãos do Congresso dos Estados Unidos se reuniram com Terry Jones na tentativa de fazê-lo mudar de ideia. Apesar do cancelamento do protesto, o pastor não descarta que o ato venha acontecer nos próximos dias.