Publicado em: quarta-feira, 09/07/2014

Paparazzis mudam o foco e passam a ganhar mais dinheiro com jogadores e familiares durante a Copa

Paparazzis mudam o foco e passam a ganhar mais dinheiro com jogadores e familiares durante a CopaHabituados a sempre flagrar celebridades nacionais em locais públicos como aeroportos, praias e festas entre Rio de Janeiro e São Paula, dessa vez os paparazzi mudaram o foco em razão da Copa do Mundo. E em meio aos fotografados que mais repercutiram estão os jogadores das seleções da Inglaterra e da Holanda, e com eles, a família também. O destaque ficou para a jornalista Sara Carbonero, esposa do goleiro da Espanha Iker Casillas, e Colleen Ronney, esposa de Wayne Rooney, da Inglaterra. De acordo com um paparazzo da AgNews que não quis ter seu nome identificado, as fotos de Coleen Rooney foram as que mais lucraram, passando à frente das de Sara Carbonero, mas isso porque ela estava de biquíni. Em outros cliques, ela parece passeando no zoológico, e visitando o Cristo no Rio. Ele conta também, que grande parte das fotos foram exclusivas, garantindo que uma celebridade de biquíni vale muito mais do que uma de roupa. “Tudo é uma história. Tabloide inglês gosta muito de história, a imagem tem que contar isso” diz. Enquanto acontece o mundial, a agencia já contratou mais de oito fotógrafos para reforçar a equipe de 30 profissionais.

Valor das celebridades

O representante da agencia não revela quanto foi pago pelas imagens de Sara e Coleen, mas destaca que os melhores mercados para se vender esse tipo de imagem vêm dos Estados Unidos, Austrália e Inglaterra, porque são os países que pagam melhor por elas. Em contraponto, ele classifica Portugal e Espanha como ‘horríveis’. A empresa em que o fotógrafo trabalha, costuma repassar seu material para a AKM imagens, que é responsável pela comercialização em outros países. Já para Bruno Alessandro, que trabalha na área comercial da agencia americana AKM no Brasil, cada uma dessas celebridades tem um valor a ser dado, isso depende do país. Ele explica que no caso de Shakira e Piqué com o filho, por exemplo, vendem muito. Assim como as dos jogadores da Holanda.