Publicado em: quinta-feira, 01/11/2012

Palmeiras contrata perito em leitura labial para ajudar em anulação do jogo

Palmeiras contrata perito em leitura labial para ajudar em anulação do jogoO Palmeiras segue trabalhando arduamente fora de campo para tentar anular a partida na qual foi derrota para o Internacional por 2 x 1. A principal queixa de jogadores e dirigentes do Verdão é de que o árbitro da partida utilizou recursos proibidos para anular um gol de mão feito pelo atacante argentino Barcos. O Palmeiras já conseguiu a primeira ‘vitória’ no caso, pois o STJD suspendeu previamente a partida e os três pontos da vitória do Colorado não podem ser computados até que a decisão final seja tomada.

Para conseguir realmente a anulação do jogo, dirigentes do Palmeiras já avisaram que vão contratar um especialista em leitura labial para completar o material que será utilizado na argumentação para a defesa do ponto de vista do Verdão. O julgamento no STJD deve acontecer provavelmente no dia 14 ou então no dia 22 de novembro.

O perito em leitura labial irá assistir ao vídeo tape do lance, principalmente das reclamações dos jogadores do Internacional e principalmente o que o árbitro principal da partida, Francisco Carlos Nacimentos, os seus auxiliares e o delegado da partida, Gerson Baluta, falaram durante o incidente. De acordo com o diretor jurídico do Palmeiras, Piraci de Oliveira, esse profissional é quem vai comprovar que ouve interferência externa para anular a partida.

Ele disse ainda que durante o lance, o árbitro, pressionado pelos jogadores do Internacional comenta no microfone para o quarto árbitro, Jean Pierre Lima: “Jean, veja aí”. Além disso, o dirigente afirmou que o clube possui testemunhas suficientes para comprovar a ilegalidade do lance.