Publicado em: quarta-feira, 25/01/2012

Operações de busca no Costa Concordia retomadas após suspensão

Autoridades italianas anunciaram que as buscas no interior do Costa Concordia foram retomadas, depois de terem suspendido a operação por cerca de uma hora em consequência do mau tempo. De acordo com a porta-voz do Franco Gabrielli, o funcionário do governo italiano nomeaedo para coordenar toda a complexa operação de resgate, Francesca Maffini, as buscas foram reiniciadas tanto na parte submersa do navio quanto na superfície. Na terça-feira (24) foi encontrado mais um corpo que estava desaparecido.

Na véspera também foi dado início à operação para extrair as 2,4 mil toneladas de combustível que estão dentro dos tanques do Costa Concordia. Uma mancha de óleo medindo cerca de 200 a 300 metros foi vista não muito longe do navio e especialistas acreditam que pode ter surgido em decorrência do naufrágio. Apesar de terem começado a preparar as condições necessárias para a extração, o trabalho não deve começar até sábado que vem.

O combustível dentro do Costa Concordia vem causando preocupação entre autoridades italianas por existir o risco de um desastre natural. Além disso, o lixo acumulado pela embarcação e objetos que estão dentro do navio podem vazar e prejudicar o ambiente do fundo do mar, além de também incomodar a costa onde o navio naufragou.

O Costa Concordia trombou contra rochas no último dia 13 nas proximidades da Ilha de Giglio, na Itália. A estimativa é que mais de 4,2 mil pessoas estavam a bordo, sendo que acusações de passageiros clandestinos foram feitas. As operações de busca são para encontrar passageiros que continuam desaparecidos.