Publicado em: quinta-feira, 01/12/2011

Onudi nomeia Marcos Pontes como Embaixador da Boa Vontade

O primeiro brasileiro a se tornar astronauta, Marcos Pontes, foi nomeado como o novo Embaixador da Boa Vontade da Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (Onudi). A escolha foi oficializada durante a 14ª conferência oficial da instituição, realizada em Viena, capital da Áustria. Natural de Bauru, Pontes foi o primeiro brasileiro a participar de uma missão no espaço. A conferência do Onudi vem sendo realizada durante toda a semana.

Além do fato de ter conquistado a chance de viajar ao espaço, Pontes tem mérito ainda maior por ter crescido em condições de pobreza. O título de Embaixador da Boa Vontade foi garantido por Pontes ter se destacado na carreira vinculada à tecnologia aeronáutica e à engenharia. De acordo com o diretor-geral do órgão, Kandeh Yumkella, a história do astronauta é “uma inspiração para muitas pessoas no mundo”.

Ao ser informado sobre a homenagem, Pontes aceitou a nomeação e declarou que é importante “preparar as novas gerações para que sejam cidadãos de apenas um mundo”. Nesse sentido, o astronauta fez questão de destacar a importância da noção de unidade do mundo como um todo e a relevância da participação de cada pessoa como indivíduo para contribuir com o melhor desenvolvimento da sociedade.

A iniciativa de condecorar personalidades com o programa Embaixador da Boa Vontade começou em 2004 com o Onudi. As pessoas escolhidas não recebem somente um título, mas também a responsabilidade de se envolver com ações para reduzir a pobreza no planeta. Normalmente são nomeadas pessoas vinculadas ao setor industrial para o trabalho, além de celebridades e pessoas públicas.