Publicado em: sábado, 16/06/2012

Obama se irrita com jornalista que interrompe seu discurso

Os candidatos a presidência dos Estados Unidos estão em campanha eleitoral intensa pelo país. Enquanto o candidato republicano, Mitt Romney, começou uma viagem de ônibus pelos estados norte-americanos, em busca de votos nos locais onde o rival venceu as últimas eleições, Barack Obama faz seus tradicionais inflamados discursos que costumam agradar os eleitores.

Nesta sexta-feira (15), no entanto, o atual presidente dos Estados Unidos ficou irritado com um jornalista que estava presente no evento. Um jornalista da publicação conservadora “Daily Caller” interrompeu o presidente norte-americano em um de seus cursos. O candidato democrata falava sobre acabar com as expulsões de adolescentes estrangeiros ilegais.

O caso

O jornalista em questão é Neil Munro, que decidiu expressar sua oposição ao discurso do presidente de maneira estrondosa. Barack Obama explicava aos participantes do evento que pretende colocar um fim nas expulsões de jovens que chegam ao país antes de completarem 16 anos de idade, e foi interrompido pelo repórter.

Com a interrupção, Obama disse que as o momento de fazer perguntas ainda não tinha chego. Então o jornalista questionou o presidente sobre se ele iria responder aos repórteres. Obama retrucou afirmando que as respostas não seriam dadas enquanto ele ainda estivesse falando. Em um discurso formal é um muito que um presidente seja interrompido. Normalmente os profissionais da mídia esperam até que o presidente termine sua fala.