Publicado em: terça-feira, 09/08/2011

Obama critica agência de classificação de risco e diz que economia americana sempre será “AAA”

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, criticou nesta segunda-feira (8) a divulgação da agencia de classificação de risco, Standard and Poor’s (S&P), que rebaixou a nota da dívida americana de AAA para AA+ pela primeira vez desde 1917.

“Não importa o que uma agência pode dizer, nós sempre fomos e sempre seremos uma nação AAA. Apesar de todas as crises que passamos, temos as melhoras universidades, as melhores empresas, e os mais inventivos empreendedores”, afirmou Obama.

Obama disse também que apesar da redução da nota americana, os mercados internacionais ainda acreditam no crédito americano e que os EUA continuam a ser um país seguro para os investidores. Ele aproveitou o discurso para criticar o Congresso, especialmente os republicanos, por arrastrarem decisões cruciais para a economia do país em debates políticos e falou que o problema dos Estados Unido é a falta de vontade polícia em Washington.

Quando a S&P rebaixou a nota americana, na sexta-feira (6), ela afirmou que a disputa entre os partidos Democrata e Republicano pode a política fiscal americana deixou a agencia pessimista sobre a capacidade de o país conter o déficit.

Mesmo com a posição de Obama, os principais índices das Bolsas em todo o mundo encerraram os seus pregoes em queda acentuada.