Publicado em: quinta-feira, 15/12/2011

Obama anuncia retorno das tropas militares no Iraque aos Estados Unidos

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou em discurso na quarta-feira (14) o final da Guerra do Iraque com a confirmação da retirada total das tropas do país até 31 de dezembro. O presidente fez seu discurso na base de Fort Bragg, na Carolina do Norte, e afirmou que os militares saíram do conflito com a “cabeça erguida”. O pronunciamento foi uma homenagem aos homens que lutaram na guerra e voltaram para casa depois de longos períodos e também àqueles que morreram no conflito.

Com soldados reunidos no hangar e em meio a aplausos, o presidente declarou “como seu comandante e em nome de uma nação grata, eu estou orgulhoso em finalmente dizer essas duas palavras – bem-vindos, bem-vindos, bem-vindos”. No caso do Fort Bragg especificamente, mais de 200 soldados morreram em serviço ao longo dos nove anos de guerra. Os soldados devem começar a voltar para casa nos próximos dias com a data final marcada para 31 de dezembro.

“A Guerra do Iraque vai em breve pertencer à História, e seu seviço vai pertencer às eras. Nós sabíamos que esse dia iria chegar. Mas ainda assim, há algo profundo sobre o fim dessa guerra que durou tanto tempo” lembrou o presidente, que era senador em Illinois quando o conflito começou.

A campanha de eleição de Obama à presidência em 2008 foi marcada pelo caráter anti-guerra, pois o então candidato prometeu que traria os soldados de volta e melhoraria a economia. Em 2007, cerca de 170 mil militares estavam no Iraque.