Publicado em: terça-feira, 05/03/2013

Novela Lado a Lado – Laura discute com Constância e foge do sanatório

Novela Lado a Lado – Laura discute com Constância e foge do sanatórioLaura demorou para perceber que tinha sido internada num sanatório pela própria mãe, Constância. Mas agora que sabe disso, ela vai discutir com a ex-baronesa e tomar uma atitude drástica: fugir do sanatório com sua colega de quarto, Judite. As cenas vão ao ar no capítulo desta terça-feira (5) da novela Lado a Lado.

A professora foi avisada pela colega de quarto de que estava no sanatório e de que não deveria tomar os remédios dados pelos supostos médicos. Assim, Laura fica longe do efeito dos sedativos e, quando recebe a visita da mãe, reage de maneira muito radical.

Constância tenta explicar o porquê de ter tomado essa atitude e diz que Laura deveria tirar esse tempo para descansar e pensar sobre as atitudes que vem tendo, já que estava prestes a denunciar a própria mãe por suborno. No entanto, Laura deixa claro que não se arrepende disso e que, assim que sair do sanatório, fará a denúncia de qualquer forma.

Neste momento, Constância garante que Laura vai ficar internada por muito tempo e ainda diz que a filha foi fria e insensível e a traiu. A professora responde, dizendo que a mãe é que teve a coragem de internar a própria filha para não ter que responder ao crime que cometeu. Laura ainda acusa Constância de odiá-la.

Depois disso tudo, Laura e Judite armam o plano para fugir do sanatório. Na hora de receber o remédio, Judite faz de tudo para não tomar o medicamento e se debate bastante. Distraída, a enfermeira não percebe que Laura rouba o molho de chaves do sanatório. Depois de conseguir o objeto, a professora diz para a colega de quarto tomar o medicamento porque não adianta resistir. É claro que isso é apenas um sinal de Laura para Judite.

À noite, Laura e Judite veem que a enfermeira está dormindo e vão em direção à porta do sanatório. Elas conseguem chegar ao pátio e saem correndo, pulando o muro em seguida. Elas correm até não conseguirem mais e param numa esquina. Neste local, encontram um senhor que aparenta ser inofensivo e, então, pedem ajuda para voltar para casa.