Publicado em: quinta-feira, 08/12/2011

Norueguês terrorista recebe cartas de amor e ódio na prisão

O canal norueguês TV2 informou que o autor confesso do duplo atentado terrorista na Noruega, Anders Behring Breivik, responsável por matar 77 pessoas, vem recebendo cartas de pessoas que o amam e que querem salva-lo da prisão. O ultradireitista também está recebendo mensagens de pessoas que o odeiam. Pacotes de cerca de 200 a 300 cartas foram entregues em duas ocasiões a Breivik, sendo que a intermediação é feita pela polícia.

No primeiro momento, uma determinação do tribunal que julga o caso de Breivik havia proibido o criminoso de receber correspondência. Essa ordem foi revogada há três semanas, e por isso ele recebeu essa quantia de cartas. As cartas que são entregues são aquelas consideradas não perigosas para interferirem no rumo das investigações. As mensagens enviadas são tanto da Noruega quanto de outros países. De acordo com o procurador Christian Hatlo, “enviaram a ele uma grande quantidade de cartas pelo correio, que serão entregues de forma progressiva”.

O regime de isolamento, ao qual foi submetido logo quando foi preso, foi levantado há quase dois meses, mas isso não mudou muito a situação do norueguês. Atualmente, Breivik é o único preso de segurança máxima na penitenciária de Ila, no oeste de Oslo.

O recebimento das cartas é um primeiro passo para ter contato com o mundo fora da prisão. Logo ele também estará autorizado a ler jornais, ver televisão e ouvir rádio. Ainda assim, Breivik continua proibido de receber visitas, determinação que foi estendida na última audiência em 14 de novembro.