Publicado em: segunda-feira, 19/03/2012

Norte-americano pula de ponte para fugir do bafômetro

Para evitar acidentes no trânsito, diversos lugares do mundo adoram o teste do bafômetro, que intercepta os motoristas que estão dirigindo sob efeito de bebidas alcoólicas. Porém, nem sempre os motoristas aceitam fazer o teste, e alguns tentar fugir dele. Neste domingo (18), Thomas Robert Harter, de 44 anos, não estava muito disposto a fazer o teste do bafômetro na cidade de Nova Orleans, nos Estados Unidos, e teve uma atitude inesperada.

Ao ser interceptado pelos policiais locais enquanto atravessava a ponta Pontchartrian, Harter saiu de seu carro e, para fugir do teste e uma possível prisão, soltou da ponte caindo no lago seis metros abaixo. A fuga aconteceu ontem à tarde, sendo que, pouco antes, outro motorista tinha chamado a polícia afirmando que o homem estava dirigindo em alta velocidade e não estava conseguindo conduzir o carro em linha reta.

Oitava detenção

De acordo com a polícia, um dos oficiais pediu para que ele mostrasse os documentos do carro e fizesse o teste do bafômetro para averiguar sua sobriedade e, no começo, Harter teria aceitado. No entanto, pouco depois, o motorista correu em direção a ponte e saltou. Um dos oficiais tentou segurá-lo, mas não deu tempo. Segundo a polícia, as águas estavam muito agitadas e era provável que Harter fosse carregado pela correnteza.

As equipes de resgate conseguiram retirá-lo da água e, depois do resgate, Harter foi preto. Esta não é a primeira vez que ele é detido por dirigir bêbado, sendo esta a oitava vez que ele é preso pelo mesmo critério. O policial que o capturou, Carlton Dufrechou, brincou com a situação e disse que era melhor ir para a cadeia do que se tornar “comida de caranguejo”.