Publicado em: terça-feira, 20/03/2012

Norte-americana voa de paraglider aos 101 anos

Dizem alguns que um dos maiores sonhos do homem é poder voar e, por isso, criou tantos meios para poder alcançar seu objetivo. Para alguns, os ares não são para os seres humanos e, por medo ou qualquer outro motivo, preferem permanecem em terra firma ao invés de verem o mundo de cima. Outros, por sua vez, gostam mesmo de aventura, e não perdem tempo na hora de se arriscar.

Os mais diversos esportes permitem que o homem consiga voar, como salto em queda livre, asa delta e bungee jumping. E se engana aqueles que pensam que esses esportes foram feitos apenas para pessoas jovens e que não tem medo do que possa acontecer. Uma norte-americana, que não tem mais 20 anos a muito tempo, mostrou que para fazer esportes radicais não tem idade, mas sim coragem e determinação.

Recorde confirmado pelo Guinness

A norte-americana Mary Hardison, de 101 anos, deixou muitos jovens surpresos quando decidiu saltar de paraglider. Nesta terça-feira (20), o Livro Guinness dos Recordes confirmou que ela é a mulher mais velha de todo mundo a fazer um voo de paraglider.

Mary Hardison mora em Ogden, no estado norte-americano de Utah, e disse que começou a fazer os saltos por causa do seu filho, que tem 75 anos. Ela afirma que ele já estava praticando o esporte e não poderia admitir que o próprio filho fizesse alguma coisa que ela não tivesse ao menos tentado fazer.