Publicado em: terça-feira, 04/01/2011

Nomeações para governo estão suspensas, diz Temer

O vice-presidente Michel Temer informou na terça-feira (4) que as nomeações para cargos do segundo escalão do governo federal estão temporariamente suspensas.

De acordo com Temer, as indicações só voltarão a acontecer a partir do momento em que os partidos da base governistas retomarem o diálogo. Rumores apontam para um possível descontentamento por parte dos partidos que apoiaram a eleição de Dilma, com a partilha de cargos no novo governo.

Temer, nomeado pelo seu partido, o PMDB, para reivindicar junto a Dilma cargos, assegurou que não há insatisfação por parte de sua sigla. O PMDB é o partido com maior bancada na Câmara de Deputados, e seu apoio é visto como essencial para o governo de Dilma.

Com a suspensão das nomeações para o segundo escalão, Temer pretende evitar descontentamentos por parte dos outros partidos, e manter a base aliada ao governo mais sólida. O vice-presidente assegurou que não há qualquer indício de crise entre governo e seus apoiadores.