Publicado em: sexta-feira, 21/03/2014

No Paraná, governo intensifica controle sobre a merenda nas escolas da rede pública

No Paraná, governo intensifica controle sobre a merenda nas escolas da rede públicaNeste ano está mais rápido e fácil coletar as informações sobre os alimentos consumidos na merenda das 2.500 escolas da rede estadual do Paraná. Isso graças ao sistema de Acompanhamento do Programa na Escola (APE-eletrônico), que foi desenvolvido pela Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar) em parceria com a Secretaria de Estado da Educação.

Pelo novo sistema, é possível acompanhar, em tempo real, a movimentação de entrada e saída de todos os produtos dos estoques das escolas, permitindo realizar ajustes imediatos e antecipar problemas com falta de merenda e prazos de validade de cada produto. O APE-eletronico é completamente informatizado.

Antes dele, as escolas tinham que preencher manualmente diversas planilhas de controle, com as informações da situação do estoque. Por conta do formato, a informação levava ate 30 dias para chegar ao banco de dados do setor de Logística e Infraestrutura da Secretaria de Estado da Educação, que só então podia fazer os ajustes necessários para suprir faltas e substituir intens próximos do vencimento.

Nas escolas, o novo sistema foi recebido com muita empolgação pelos trabalhadores, que confirmam as melhorias sentidas imediatamente no formato de transmissão de dados e na possibilidade de ações imediatas para garantir uma boa alimentação aos estudantes.

Agrotóxicos na mira

Os alimentos da agricultura familiar que são servidos na merenda das escolas da rede pública estadual passarão, a aprtir deste ano, por análises de resíduos de agrotóxicos. Esta medida é resultante de um termo de cooperação firmado entre as Secretarias de Estado da Saúde e da Educação. Este tipo de monitoramento na área de alimentação escolar é pioneira no Brasil, e integrará o Programa Estadual de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos. Com os resultados destas análises, serão realizados ajustes nas práticas de produção.