Publicado em: sábado, 31/03/2012

Nível do mar sobe 20 metros após último degelo do planeta

Um estudo publicado pela revista científica Nature, informou que o último degelo do planeta aumentou abruptamente o nível das águas do mar, fazendo subir aproximadamente 20 metros em menos de 500 anos. O pico do degelo, que teve início há 15 mil anos e terminou há 12 mil, ocorreu entre 14.650 anos e 14.310 anos, quando, de acordo com analistas, o nível do mar aumentou no Taiti entre 12 e 22 metros.

Os cientistas que participaram do estudo tiveram como base para suas pesquisas as mediações feitas no Taiti, ilha do Oceano Pacífico, e obtiveram o resultado de que grande parte da água veio do degelo da Antártida. Neste grande degelo, as geleiras da região derreteram quase em sua totalidade e fizeram subir o nível dos mares em aproximadamente 120 metros em todo o mundo.

Aumento intenso em 500 anos

Este crescimento no nível dos mares não aconteceu de forma uniforme muito menos gradual. De acordo com Pierre Deschamps, geólogo e pesquisador do Centro Europeu de Pesquisa e Ensino de Geociência do Meio Ambiente (CEREGE), em entrevista a EFE, este fenômeno ocorreu de maneira intensa durante 500 anos. Desta forma, de acordo com o estudo, o nível do mar na ilha aumentou entre 3,5 e 5 metros a cada século.

Para conseguir as informações, Pierre Deschamps e seus colegas pesquisadores analisaram os fósseis corais e uma espécie de búzio que moravam no litoral sul, norte e oeste da ilha da Polinésia Francesa. Porém, a cronologia certa do degelo não esclarece todos os mistérios, pois o nível do mar não aumentou de maneira uniforme e, por esta razão, é preciso um estudo sobre os aumentos nas diversas regiões do planeta.