Publicado em: quarta-feira, 11/01/2012

Nicolas Steno, cientista pioneiro, recebe homenagem

O Google mais uma vez homenageia uma personalidade histórica em sua página inicial, e nesta quarta-feira (11) o ‘doodle’, ícone em que está o nome da marca, faz referência ao bispo católico e também cientista dinamarquês Nicolas Steno.

Steno tem uma grande importância à geologia, por ser um dos primeiros estudiosos dos fósseis, já que na época em que ele atuava muitos afirmavam que estes elementos surgiam naturalmente na terra, ou até mesmo que vinham da Lua.

O religioso e cientista dinamarquês também tem importantes estudos na anatomia. Foi ele quem passou a considerar o coração humano como um músculo. Steno também ficou conhecido por analisar estruturas nas cabeças de animais como cão, ovelha e coelho.

Nicolas Stenos nasceu em 11 de janeiro de 1638, em Copenhague, Dinamarca. Ele também ficou conhecido por suas contribuições para a teologia, e uma canonização vem sendo avaliada pelo Vaticano. Em 1987 o bispo foi beatificado pelo Papa João Paulo II.