Publicado em: sexta-feira, 07/03/2014

Newsweek afirma ter encontrado criador do Bitcoin

Newsweek afirma ter encontrado criador do BitcoinA revista norte-americana Newsweek informou nesta quinta-feira, 6 de março, ter encontrado o criador do Bitcoin, principal moeda virtual do planeta. A reportagem da Newsweek, assinada pela jornalista Leah Goodman, afirma que o criado do Bitcoin é um japonês que vive nos Estados Unidos. O criado do Bitcoin teria 64 anos de idade e se chamaria Satoshi Nakamoto.

Curiosamente, por muitos anos, acreditou-se que Satoshi Nakamoto fosse um pseudônimo. Este já era o nome utilizado para falar sobre o criador do Bitcoin, mas não se esperava que fosse o nome verdadeiro do criador.

Curiosidades

A apuração de Leah Goodman sobre Satoshi Nakamoto trouxe uma série de curiosidades sobre o possível criador do Bitcoin. De acordo com a publicação, Nakamoto é formado em Física e tem uma fortuna estimada em U$400 milhões, somente no que diz respeito aos bitcoins que possui. Apesar de todo esse dinheiro, o criador da moeda virtual leva uma vida simples na Califórnia, tendo como principal atividade a coleção de miniaturas de trens.

A reportagem afirmada também que o inventor do Bitcoin teve uma vida cercada de mistérios, incluindo trabalhos secretos para o governo norte-americano, atuando no Departamento de Defesa do país. Em relação ao Bitcoin, nem sua própria família tinha ideia de que ele fosse o criador da moeda virtual.

Conversa rápida

Para conhecer mais sobre o criador do Bitcoin, Leah Goodman conversou com diversos familiares de Nakamoto. Devido à dificuldade em conversar com o próprio Nakamoto por e-mail, a repórter da Newsweek decidiu ir até a casa do possível criador do Bitcoin, na cidade de Temple City. Só assim Leah Goodman conseguiu falar com Nakamoto, mas a conversa foi muito rápida. Assim que a repórter chegou na casa de Nakamoto, o homem chamou a polícia.

Embora não tenha dito com todas as letras que criou a moeda virtual mais valiosa do mundo, Nakamoto admitiu ter tido participação no projeto. Entretanto, o japonês disse que não faz mais parte da equipe que administra o Bitcoin e, por isso, não poderia falar sobre o assunto.

Regulamentação

Aos poucos, o Bitcoin vem se consolidando como uma das grandes novidades no universo financeiro nos últimos anos. Os mais céticos ainda duvidam da capacidade de sustentação da moeda virtual, enquanto os entusiastas vêm o Bitcoin como uma verdadeira revolução. No Brasil, muitos estabelecimentos comerciais já começaram a receber em bitcoins, o que tem fortalecido a moeda no país.

Embora ainda seja cedo para se fazer qualquer prognóstico, o Bitcoin lançou uma grande tendência no universo digital. Atualmente, existem mais de 200 moedas similares, mas nenhuma delas possui a cotação tão alta. O Bitcoin já chegou a ser cotado em valores próximos de U$1 mil, o que fez da moeda a mais valiosa do planeta. Apesar de todo o sucesso mundial do Bitcoin, a identidade de seu criador sempre foi um grande mistério.

Há anos, a criação do Bitcoin é atribuída a Satoshi Nakamoto, mas o homem nunca havia sido encontrado. Muitas especulações chegaram a afirmar que o nome era apenas um pseudônimo criado por uma empresa.