Publicado em: quarta-feira, 30/04/2014

NBA – Após punição ao mandatário, Clippers derrotam Warriors e passam à frente nos playoffs

NBA - Após punição ao mandatário, Clippers derrotam Warriors e passam à frente nos playoffsAlgumas horas depois do banimento do presidente do Los Angeles Clippers, Donald Sterling, por racismo, o Los Angeles Clippers venceu o Golden State Warriors por 113 a 103, na madrugada desta quarta-feira (3), no Staples Center, em Los Angeles, em jogo válido pelas quartas de final dos playoffs da NBA. Com esse resultado, o time da casa abriu 3 a 2 na série.

O maior destaque do Los Angeles Clippers na partida foi DeAndre Jordan, que fez um duplo-duplo, com 25 pontos marcados e 18 rebotes apanhados. Outro atleta com bom desempenho foi Chris Paul, que marcou 20 pontos, pegou seis rebotes e distribuiu sete assistências, além de cinco desarmes.

O ala-armador Jamal Crawford, que iniciou o jogo na reserva, marcou 19 pontos. O ala-pivô Blake Griffin fez 18 pontos, enquanto o armador Darren Collison pontuou 15 vezes.

Pelo lado do Golden State Warriors, o maior cestinha foi o ala-armador Klay Thompson, que marcou 21 pontos. Com um duplo-duplo, o ala-pivô David Lee teve uma boa performance, com 18 pontos marcados e dez rebotes apanhados.

André Iguodala também fez 18 pontos, pegou oito rebotes e deu oito assistências. Outro atleta a fazer um duplo-duplo foi o ala Draymond Green, que marcou dez pontos e pegou 11 rebotes.

Torcedores do Clippers dão força aos atletas e criticam ato racista de Sterling

Com o apoio de sua torcida, que repudiou os comentários racistas de Sterling através de mensagens em cartazes, o Los Angeles Clippers começou bem a partida e abriu 31 a 21 de vantagem. O Golden State Warriors, por sua vez, reagiu na partida, mas Chris Paul tratou de recolocar o time da casa em situação confortável. O triunfo veio por 113 a 103.

Golden State Warriors e Los Angeles Clippers voltam a se enfrentar nesta quinta-feira (1º de maio), na Oracle Arena, em Oakland, no Estado da California.