Publicado em: quinta-feira, 02/02/2012

Navio naufraga em Papua Nova Guiné com 350 passageiros

Nesta quinta-feira, dia 2 de fevereiro, uma embarcação naufragou no litoral noroeste de Papua Nova Guiné. O navio Rabaul Queen estava com 350 passageiros e, de acordo com a Autoridade Nacional Marítima, a tripulação enviou um pedido de ajuda do começo desta manhã. A primeira-ministra australiana Julia Gillard, informou aos jornalistas em Melbourne que este acidente pode ter sido uma “grande catástrofe” e a Austrália irá dar total apoio a Papua Nova Guiné.

Segundo o porta-voz da companhia dona da embarcação, Star Ship, o acidente aconteceu aproximadamente a 80 quilômetros ao leste de Lae. Aviões de resgate e reconhecimento foram enviados para a região onde o navio naufragou. Até o momento, 219 pessoas já foram resgatadas com vida do acidente.

De acordo com o porta-voz da Autoridade Nacional de Segurança Marítima da Austrália, Carly Lusk, o resgate contou com oito embarcações que trabalhavam próximas do local do naufrágio. Segundo informações da polícia, a maioria dos sobreviventes são professores recém-formados e estudantes. No entanto, o diretor-executivo interino do organismo marítimo de Papua Nova Guiné, Narur Rahman, diminuiu o número de sobreviventes para 193.

Não foi informado o número exato de passageiros que estava no navio. De acordo com o capitão Rahman, a prioridade é resgatar o maior número de pessoas possível. Segundo ele, existe um número não determinado de pessoas que ainda esperam pelo resgate na água, e, até o momento, nenhum corpo foi visto boiando.