Publicado em: segunda-feira, 28/11/2011

Nave enviada a Marte emite sinal de confirmação da decolagem e da separação

A nave espacial Mars Science Laboratory, enviada no sábado (26) pela agência espacial norte-americana (NASA), transmitiu um sinal no mesmo dia confirmando o sucesso da sua decolagem e do desprendimento do foguete. A nave foi lançada da base em Cabo Canaveral, Flórida, EUA, com o foguete Atlas V. O veículo é responsável pela transportação do mais moderno robô de exploração em Marte, o jipe-robô Curiosity. O pouso no planeta vermelho deve acontecer em agosto de 2012.

Em comparação aos antecessores do Curiosity, as sondas gêmeas Spirit e Oportunity, o novo robô tem o dobro do tamanho, sendo que conta com 2,8 metros de comprimento. O Curiosity é considerado uma peça essencial para o Programa de Exploração de Marte, que vem sendo desenvolvido pelos cientistas dos Estados Unidos. Esse projeto tem como objetivo explorar Marte por 28 meses, sendo que o Curiosity ficará localizado especificamente na cratera Gale.

A principal missão do Curiosity é descobrir se em algum momento da existência do planeta vermelho ele já teve condições de abrigar vida microscópica. Caso o material recolhido mostre que sim, os cientistas devem analisar quais as condições que fizeram com que fosse possível manter os resquícios dessa incidência de vida.

O projeto custou US$2,5 bilhões e conta com 10 instrumentos científicos. Estes devem ser usados para examinar pedras, solo e atmosfera. Um desses instrumentos é um laser capaz de vaporizar pedaços de rocha à distância, enquanto outro conseguirá fazer uma busca por compostos orgânicos. Além disso, cada roda do Curiosity tem um motor diferente.