Publicado em: sábado, 29/10/2011

NASA lança primeiro satélite de observação climática

A agência espacial norte-americana (NASA) lançou na última sexta-feira (28) o primeiro satélite para observar as mudanças climáticas. O satélite também será responsável por registrar as principais variáveis meteorológicas. O custo do equipamento, batizado de NPP, foi de US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 2,6 bilhões) e é a primeira ferramenta capaz de obter informações a curto e a longo prazo. O lançamento foi feito da base aérea de Vandenberg, na Califórnia.

Na quinta-feira (27) a NASA e a agência espacial brasileira (AEB) assinaram acordos de cooperação em estudos sobre a camada de ozônio que envolve a Terra e também sobre a incidência de chuvas no planeta. Porém, os tratados não prevêem a construção de um satélite próprio. No caso do NPP, o projeto foi feito em parceria com a agência nacional de administração oceânica e atmosférica, a Noaa, com participação do Departamento de Defesa dos Estados Unidos.

O satélite vai ficar localizado na órbita polar e a 820km de altura. O seu objetivo será monitorar terra, oceano e a atmosfera. Os dados obtidos devem providenciar informações sobre temperatura, umidade e sobre quanta luz do sol é refletida pelo gelo do ártico. A previsão é que o NPP fique em órbita até 2017, quando deverá ser substituído por um satélite da nova geração.

Basicamente, a função das informações obtidas em curto prazo será de permitir ter conhecimento mais objetivo sobre a previsão do tempo. Em longo prazo, os dados devem colaborar com o estudo sobre o entendimento do aquecimento global.