Publicado em: segunda-feira, 28/04/2014

Música pode auxiliar em tratamento de pacientes que tem mal de Parkinson

Música pode auxiliar em tratamento de pacientes que tem mal de ParkinsonO mal de Parkinson que é uma enfermidade dos nervos e ainda não possuí cura pode ter ganho um aliado nas formas de minimizar os efeitos causados pela doença nas pessoas que estão passando por essa doença.

Uma fisioterapeuta está buscando recursos para realizar um estudo aprofundado sobre como a música pode auxiliar os pacientes durante o tratamento para que os tremores, além de rigidez causado pela enfermidade sejam minimizados, o tipo de tratamento já vem sendo testado após uma idosa ter obtido progressos com a prática de exercícios necessários com música.

A idosa que faz sessões de fisioterapia pediu ao seu fisioterapeuta para que ela pudesse escutar músicas durante o período em que ela estivesse realizando a sequência de exercícios e o resultado foi surpreendente, já que a idosa desenvolveu a habilidade de dançar e caminhar através das batidas das canções, a idosa declarou que a música a ajuda nos movimentos executados, já que permite que ela tenha controle do corpo.

Logo após o relato da idosa a fisioterapeuta decidiu testar o uso da música com demais pacientes com Parkinson e durante a experiência foram constatados resultados diversos, agora a capitação de recursos para o estudo mais aprofundado sobre como a música pode auxiliar esses pacientes se faz necessária já que a utilização do aparelho metrônomo já é utilizado como alternativa para tratamento de pacientes com Parkinson.

Através da realização para se saber os benefícios da música nesses tratamentos, poderá ser feita a comprovação que a utilização de músicas no período de tratamento ajuda o doente a ter melhoras na execução de seus movimentos e também auxilia em outros aspectos observados nos doentes que possuem essa enfermidade, como insônia, cansaço, além de depressão causada pela dificuldade deles em realizar tarefas que antes da doença eram simples, mas que com o Parkinson se tornam complicadas.