Publicado em: sexta-feira, 11/10/2013

Motos potentes e musas enchem o Salão duas rodas 2013

Salão duas rodas 2013O Salão das Duas Rodas 2013 estreou na última terça feira, 8 de outubro, trazendo como principal diferença da edição de 2011 o fato de que o segmento naquela ocasião ainda comemorava um período forte de crescimento. Isso porque há cerca de dois anos, o número de emplacamento de motos no Brasil começou a diminuir significativamente, devido a piora nas vendas das motos produzidas com baixa cilindrada, que foram vitimar de uma restrição maior de crédito pelas instituições financeiras. Por outro lado, o segmento das super motos, as motos Premium, tem se mostrado imune a essa tendência negativa do mercado.

Estão apresentando performances positivas neste período marcas ícones deste segmento Premium, como a Harley Davidson, a Ducati e a nova Triumph, aumentando o número destes modelos nas ruas. Este é o principal cenário do Duas Rodas deste ano. O ronco das potentes máquinas já pode ser ouvido logo nos primeiros passos na entrada do salão. O evento, que começou no dia 8 de outubro, segue até o dia 13, com a exibição de mais de 450 marcas participantes. O Salão é dedicado aos aficionados pelo mundo das bikes e das motocicletas.

O salão é considerado a maior feira do gênero realizada em toda a América latina, trazendo aos visitantes opções como os lançamentos de BMW, Honda, Yamaha e Dafra, com modelos que podem custar até mesmo mais de 100 mil reais. O evento ainda conta com a oferta de bicicletas elétricas, que podem ser recarregadas com a tomada ligada. Já para os fãs do esporte, o evento ainda traz apresentações de profissionais da área da motovelocidade, marcando os 30 anos de carreira de Jorge Negretti, o campeão sul americano de MotoCross. Também estão a disposição acessórios como pneus, jaquetas, roupas, luvas e capacetes.

O que também chama atenção do público são as musas e modelos que ficam embelezando cada um dos estandes e dando as boas vindas aos visitantes. Os visitantes ainda podem aproveitar para realizar alguns testes com as marcas presentes no interior do pavilhão. Na área externa, existem ainda duas pistas montadas especialmente que o público possa testar alguns modelos em exibição, sendo preciso apenas possuir habilitação para motocicletas e fazer um cadastro na própria feira. São separas turmas de vinte pessoas, de hora em hora, para o teste dos veículos.