Publicado em: quinta-feira, 20/03/2014

Motorola e LG anunciam relógios inteligentes

Motorola e LG anunciam relógios inteligentesNesta terça-feira, 18 de março, Motorola e LG anunciaram o lançamento de smartwatches (os relógios inteligentes) com Android Wear, sistema operacional desenvolvido pelo Google especialmente para a utilização em equipamentos vestíveis.

Sem detalhes

Apesar do anúncio feito no mesmo dia, nenhuma das empresas deu maiores detalhes sobre suas novidades. No caso da LG, inclusive, o aparelho sequer possui nome. Contudo, a empresa já divulgou a primeira imagem do dispositivo, que lembra bastante o Peeble, primeiro smartwatch lançado nos Estados Unidos, através de financiamento coletivo. O Peeble, assim como o relógio da LG, tem o formato retangular.

A Motorola, por sua vez, já anunciou que seu relógio se chamará Moto 360. Neste caso, o dispositivo é redondo, muito parecido com o de relógios mais antigos. A Motorola divulgou, ainda nesta terça-feira, um vídeo de apresentação do Moto 360. A empresa também anunciou, para a tarde de quarta-feira, uma videoconferência com o designer responsável pelo dispositivo, Jim Wicks. A conferência será realizada através do Google+ e, de acordo com a Motorola, Jim responderá às principais dúvidas dos usuários.

Dentre os principais questionamentos sobre o dispositivo estão questões pontuais, como a maneira de carregar a bateria (e seu tempo de duração), sistema utilizado para a tela e comportamento da imagem quando exposta à luz do dia.

Próximos aparelhos

Embora a LG e a Motorola tenham sido as únicas grandes empresas a anunciar relógios inteligentes até o momento, a tendência é de que outras gigantes do setor também desenvolvam seus próprios dispositivos. No site oficial do sistema operacional Android Wear, são mencionadas parcerias com empresas como Asus, HTC e Samsung, o que sugere que estas companhias também desenvolverão seus próprios dispositivos vestíveis.

Nesta terça-feira, o canal Google Mobile, do Youtube, divulgou um vídeo informando que a interface dos dispositivos que utilizarem o sistema operacional Android Wear será bem semelhante à do Google Now, que pode ser encontrado em smartphones que utilizam as versões mais atuais do Android. É o caso, por exemplo, do Moto X, que foi desenvolvido pelo próprio Google antes que a Lenovo adquirisse a Motorola.

Tendência

Em fevereiro o World Mobile Congress, um dos maiores eventos mundiais sobre tecnologia em dispositivos móveis, trouxe como grande tendência para os próximos anos a utilização da tecnologia vestível. Neste segmento, os relógios foram vistos como os principais representantes, podendo chegar ao mercado em larga escala ainda em 2014.

Embora não tenham dado maiores detalhes sobre seus dispositivos, a LG e a Motorola devem adotar alguns dos conceitos apresentados na World Mobile Congress. Os relógios inteligentes podem, por exemplo, ser utilizados para abrir e fechar portas, ligar veículos e comandar várias funções de casa.

Outra dúvida sobre estes novos dispositivos é o preço. Mesmo especialistas em tecnologia não se arriscam a criar estimativas a respeito do valor dos relógios inteligentes, principalmente porque ainda não se sabe qual é, de fato, o público-alvo destes dispositivos. Como qualquer outra novidade, ao menos inicialmente, os relógios inteligentes devem ficar restritos a pessoas com alto poder aquisitivo.