Publicado em: quinta-feira, 28/11/2013

Modelo magra é apontada como plus size

Modelo magra é apontada como plus sizeA norteamericana Leah Kelley está longe de ter um corpo gordinho para ser considerada uma modelo plus size. É claro que ela não se enquadra também no padrão magérrimo das garotas das passarelas mundiais. A jovem mede 1,77 m de altura e usa roupas do tamanho entre 38 e 40. Isso já é motivo para que ela seja considerada um tamanho GG.

A modelo é apontada como plus size, padrão para model das gordinhas que precisam de tamanhos grandes e nem por isso menos bonito. Leah está sendo vista como uma aposta para os flashes internacionais. O comentário está circulando nas redes sociais.

A jovem se tornou conhecida após realizar um ensaio fotográfico para a Robyn Lawley, uma grife de moda praia. A marca é tida como a mais famosa do mundo das gordinhas e postou as fotos de Leah na internet. Depois disso, alguns veículos da imprensa (Huffington Post e My Fabulous Style) comentaram que a loira tem chances de conquistar o universo da moda.

Leah já mostrou que não esconde a silhueta nada convencional para as magrinhas das passarelas. Ela tem formas em seu corpo o que a torna uma pessoa mais real nas fotos. Mas, isso é motivo para ser considerada plus size? A garota iniciou a vida artística aos 19 anos de idade. Naquela época, Leah cursava faculdade e também trabalhava em uma empresa de reboque. Ela vivia na cidade de Sacramento, localizada no estado da Califórnia, nos Estados Unidos.

A bela viu um link na internet de inscrição na agência Ford Models e tentou a sorte. Depois de um mês, ela recebeu uma resposta já com uma oferta de contrato. Leah só viu a mensagem de e-mail depois de quatro dias e quase o deletou. Por sorte, viu a tempo e deu início à fama. A loira de olhos azuis se mudou para Nova York. Ela fotografa muito bem e parece bem mais natural do que as modelos que são vistas nas capas de revistas. Porém, não tem nada semelhante às plus sizes que se têm notícias.