Publicado em: sábado, 21/01/2012

Ministério da Educação cancela Enem de abril

Este ano, o Ministério da Educação decidiu realizar duas edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A prova estava planejada para os dias 28 e 29 de abril, mas foi cancelada. Um relatório encomendado pelo MEC concluiu que não existe no país a estrutura necessária para que o governo consiga controlar duas edições no mesmo ano.

O Enem terá apenas uma edição, que está programa para os dias 3 e 4 de novembro. Desde 2009, quando o super Enem foi lançado, o ministro Fernando Haddad, vem se especulando a possibilidade de duas provas ao ano. O objetivo era que os alunos pudessem realizar as duas provas e escolher a nota melhor.

Um mês atrás, o MEC contratou a empresa Módula, especializada em analisar riscos de operações para verificar a possibilidade dessa alteração no calendário do Exame Nacional. A conclusão é de que o sistema não funcionaria com duas provas.

Com a polêmica decisão da Justiça de que o Ministério disponibilize o acesso às correções das redações, o ministro da educação já vinha dando indícios de que, mesmo com a data marcada, o Exame seria cancelado.