Publicado em: quarta-feira, 01/09/2010

Mineiros no Chile: Nasa nega pedido de cigarros e vinho

Os 33 mineiros presos há 26 dias em uma mina no Chile, tiveram dois pedidos negados pelos médicos da Nasa, que auxiliam as autoridades chilenas em seu resgate.

Os trabalhadores pediram que, além de alimentos, água e medicamentos, também fossem enviados vinhos e cigarros. Entretanto, os médicos da Nasa informaram que primeiramente deve ser tratada a debilidade nutricional dos trabalhadores. Já a fumaça do cigarro pode piorar o ambiente na mina.

Para atenuar a crise abstinência dos mineiros, foram enviados adesivos e chicletes de nicotina. Os médicos da Nasa estão fornecendo ajuda à autoridades chilenas, já que são acostumados a tratar dos astronautas em longos confinamentos.

Os mineiros estão presos há 26 dias após um deslizamento de terra, que bloqueou o único acesso à mina. A operação de resgate, que teve início na terça-feira (31) com a escavação de um novo túnel, pode levar até quatro meses.