Publicado em: sexta-feira, 07/03/2014

Microsoft deve avisar usuários do Windows XP sobre ‘fim’ do sistema

Microsoft deve avisar usuários sobre 'fim' do sistema do Windows XP Anunciado desde janeiro do ano passado, o fim do Windows XP já era esperado. A Microsoft lançou um comunicado de que a partir desta semana, os usuários receberão notificações sobre o fim de novas atualizações do sistema operacional.

Haverá a opção para que o usuário não veja novamente o lembrete naquele mês, mas a expectativa é de que os usuários estejam cientes sobre o acontecimento. O sistema operacional não deixará de existir, apenas não será produzido nenhum pacote de atualização ou será dado suporte ao Windows XP.

O antivírus Microsoft Security Essentials também não será produzido para os computadores com este sistema operacional, e será enviado mensalmente um lembrete de que o computador estará vulnerável à ameaças. A expectativa da Microsoft é de que os usuários mudem o sistema operacional gradativamente.

De acordo com o portal ZDnet, referência em tecnologia e computadores, a Microsoft deverá liberar aos usuários uma opção de atualização para o Windows 8.1, cuja primeira versão não tem sido muito bem aceita pelos consumidores. Intitulada “Pcmover Express”, a ferramenta será uma forma de fazer com que os usuários migrem para o sistema operacional mais recente da Microsoft.

Presente em 29% dos PC brasileiros, o Windows XP foi durante muitos anos líder no mercado e atualmente o número de computadores que utilizam o sistema operacional no país pode chegar a 20 milhões.

História:

Lançado em 2001, o Windows XP se tornou em menos de três anos, o sistema operacional mais utilizado da história. Segundo os dados estatísticos da IDC, já era utilizado por mais de 400 milhões de aparelhos, representando 86% das cópias vendidas.

O termo XP vem da palavra eXPeriência e traz um conceito tanto empresarial quanto pessoal. Além disso, o sistema trouxe inúmeras inovações, como por exemplo a opção de criar várias contas de usuário. O Windows XP foi vendido até o ano de 2008, quando a Microsoft apresentou o Windows 7.