Publicado em: sexta-feira, 28/10/2011

MG vai vacinar contra febre aftosa em novembro

Na próxima terça-feira (1) o estado de Minas Gerai começa a segunda etapa que faz pare da Campanha Nacional de Vacinação contra a Febre Aftosa. O período vai até o dia 30 do mesmo mês. O objetivo é conseguir manter o mesmo índice ou ainda superar o total de doses aplicadas em 2010, que chegou a 97,5% de cobertura. O esperado é que sejam vacinados 10 milhões de bubalino e bubalinos (búfalos), o que corresponde a 40% do total do rebanhos que o estado possui.

Na avaliação do diretor geral do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) e do médico veterinários do IMA, Altino Rodrigues Neto, a vacinação contra a aftosa no país tem consegui progredir nos últimos anos. “Estamos alcançando sucesso, devido às parcerias entre as iniciativas pública e privada, envolvendo pecuaristas, governo e técnicos, que com o avanço tecnológico aperfeiçoaram seus conhecimentos sobre a legislação e sanidade animal, buscando em médio prazo a erradicação da doença no Brasil”, diz Rodrigues Neto.

Na avaliação do veterinário, o Brasil passa por um momento aonde é necessário discutir e debater novas estratégias e programas para que as autoridades sanitárias consigam aplicar o Programa nacional de Erradicação da Febre Aftosa (Pnefa), em todo o país.

O estado de Minas Gerais e também outros estudados brasileiros precisam suspender a vacinação do rebanho para conseguir impulsionar os índices de exportação da carne bovina in natura, uma vez que diversos países optar por não comprar o produto brasileiro por conta da vacina.