Metrô de São Paulo ameaça greve

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo informou na segunda-feira (31) que pretende realizar uma greve na terça-feira (1º).

(ATENÇÃO: Esta notícia é sobre a greve de 2010. Para ler as informações sobre a greve deste ano de 2011 acesse: http://www.noticiasbr.com.br/metro-de-sao-paulo-pode-entrar-em-greve-7021.html)

De acordo com o sindicato, a intenção é efetivar uma paralisação que atinja pelo menos quatro linhas do Metrô de São Paulo (1,2,3,5). Uma assembleia na noite de segunda-feira iria definir se a greve será aderida pela maioria dos trabalhadores.

As principais reivindicações do metroviários dizem respeito aos salários. O sindicato pede um reajuste de 5,8%. Já houve uma contraproposta patronal, na qual sugerem um aumento de 5,01% nos salários. O sindicato não aceitou a primeira proposta do Metrô.

O Sindicato dos Metroviários ainda pede reestruturação do plano de carreiras para os trabalhadores e aumento na participação dos lucros. Os representantes dos trabalhadores ainda deu ultimato para o Metro fazer uma nova proposta para os trabalhadores até a noite de segunda-feira.

+ Brasil

Buscar

Curtir