Publicado em: segunda-feira, 17/02/2014

Mesmo sem entrar em campo, Brasil ganha posições no ranking da FIFA

Mesmo sem entrar em campo, Brasil ganha posições no ranking da FIFANa manhã desta quinta-feira, 13 de fevereiro, a FIFA divulgou a edição mensal de seu ranking mundial de seleções. O Brasil, mesmo sem ter entrado em campo no período, ganhou uma posição na lista, superando a seleção holandesa.

Metodologia

O ranking da Fia não leva em conta apenas os resultados recentes, mas o desempenho das seleções nos últimos quatro anos. Para fins de pontuação, a entidade máxima do futebol leva em conta somente as partidas realizadas durante as chamadas “datas FIFA”, ou seja, períodos determinados pela entidade para a realização de jogos oficiais ou amistosos entre as seleções do mundo.

No último período analisado, a FIFA registrou 40 amistosos entre seleções. Boa parte deles aconteceu no continente africano, devido às preparações para o Campeonato Africano de Nações, torneio que tem a participação exclusiva de jogadores “locais”, ou seja, aqueles que disputam os campeonatos de seus próprios países.

Outras mudanças

Não foi apenas o Brasil que se beneficiou da metodologia de pontuação do ranking da FIFA. A parte de cima da lista também sofreu outras alterações. A Colômbia, cabeça de chave do Grupo C do Mundial de 2014, foi superada pela seleção portuguesa, que agora é a quarta colocada na lista. Portugal ganhou pontos recentemente porque participou da repescagem para a Copa do Mundo, ou seja, teve mais duas partidas que valeram pontuação para o ranking.

No topo da lista, a Suíça foi quem mais conquistou posições, passando da oitava para a sexta posição. Em relação ao último ranking divulgado, os suíços conseguiram superar Uruguai e Itália.

Adversários brasileiros

Levando em conta as seleções que o Brasil enfrentará na Copa do Mundo de 2014, na fase de grupos, apenas Camarões subiu de posição na lista, ocupando agora o 46º lugar. Conforme mencionado anteriormente, a seleção camaronesa ganhou pontos devido aos amistosos realizados no continente africano. Croácia e México, os outros adversários da Seleção Brasileira no Grupo A da Copa, mantiveram respectivamente a 16ª e a 21ª posição.

Top 10

A Espanha, que conquistou a última Copa do Mundo, segue tranquila na liderança do ranking da FIFA, seguida pela Alemanha. Dentre os sul-americanos, a Argentina é a melhor colocada, ocupando a terceira posição. Em seguida estão Portugal, Colômbia, Suíça, Uruguai, Itália e Brasil. Os holandeses fecham a lista das dez principais seleções do mundo.

Um dos destaques negativos do ranking é a seleção da Inglaterra, que, no ranking passado, já ocupava a modesta 13ª posição. Agora, os ingleses caíram ainda mais, e estão apenas no 15º lugar.

Curiosamente, a Seleção Brasileira é apenas a quarta colocada dentre as seleções da América do Sul, ficando atrás de Argentina, Colômbia e Uruguai. A queda do Brasil no ranking se deve, principalmente, à não participação nas eliminatórias para a Copa do Mundo. O país sede se classifica automaticamente para o Mundial, deixando de disputar uma série de partidas na busca pela vaga. Com isso, a queda brusca no ranking da FIFA é inevitável.