Publicado em: sábado, 08/10/2011

Mesmo doente, Jobs continuou trabalhando. Ele pensou em produtos para 4 anos

Com o diagnóstico do câncer em 2004, uma das principais preocupações dos analistas e dos fãs da Apple, era o futuro da companhia sem Jobs. Mas, fontes de dentro da própria empresa, afirmam que o gênio deixou um trabalho que poderá ainda ser aproveitado pela empresa nos próximos 4 anos.

Segundo jornal Daily Mail, mesmo enquanto estava doente, Jobs continuou trabalhando no último ano e ajudou a desenvolver projetos de produtos que poderão manter a Apple viva por ainda alguns anos.

“Jobs liderou projetos para as novas versões do iPod, ipad, iPhone e Macbook, garantindo pelo menos 4 anos de produtos que ainda estão sendo projetados”, disseram as fontes ao jornal. Jobs também estaria envolvido diretamente com o desenvolvimento do iCluod, lançado neste ano.

Ultimamente, Jobs estava participante efetivamente no projeto da nova sede da Apple, em Cupertino, que terá uma capacidade comportar 12 mil funcionários. Jobs faleceu na última quarta-feira (05) aos 56 anos.