Publicado em: segunda-feira, 09/01/2012

Merkel e Sarkozy garantem que negociações sobre pacto fiscal avançaram

Depois de uma reunião de mais de duas horas nesta segunda-feira (9), a chanceler da Alemanha Angela Merkel e o presidente da França Nicolas Sarkozy informaram que as negociações sobre o pacto fiscal da União Europeia (UE) obtiveram importantes progressos. Os líderes também afirmaram que pretendem apresentar algumas propostas para fazer o crescimento econômico e o emprego voltarem a subir no continente.

Merkel disse que o avanço das negociações para o pacto fiscal está em um ritmo satisfatório, dizendo que os acordos poderiam ficar prontos já para a cúpula da UE que acontece de maneira extraordinária no fim de janeiro ou, no máximo, até março.

Sobre a Grécia, os dois líderes disseram que desejam que o país continue como membro da zona do euro, mas pediu que as negociações com os bancos tenham algum progresso para que a dívida seja refinanciada e o segundo programa financeiro seja posto em prática para que o pagamento do próximo lance do resgate seja facilitado. Os governantes aproveitaram para dizer que pretendem acelerar a entrada de capital em fundo de resgate permanente do Mecanismo Europeu de Estabilidade.

O presidente francês voltou a dizer que será necessário criar rapidamente um imposto para as transações financeiras. A chanceler alemã disse que esta é uma boa iniciativa. A reunião dos dois líderes faz parte da nova rodada de contatos que Merkel vem preparando depois do início de 2012. O objetivo da líder alemã é preparar o terreno para o encontro da cúpula da UE, que tem previsão para acontecer no dia 30 de janeiro.