Publicado em: segunda-feira, 23/04/2012

Menino japonês garante ser dono da bola levada pelo tsunami para o Alasca

Nesta segunda-feira (23), o jornal “Asahi” divulgou que o adolescente japonês, Misaki Murakami, de 16 anos, afirma ser o dono de uma bola de futebol que foi levada pelo tsunami de 2011 e encontrada recentemente no Alasca. A bola foi encontrada na semana passada pelo casal David e Yumi Baxter, que moram nos arredores de Anchorage, nos Estados Unidos.

A bola possui várias mensagens escritas com caracteres japoneses, e ainda podem ser lidas. Na tentativa de encontrar o proprietário da bola, o casal norte-americano entrou em contato com a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (Noaa, em inglês). O garoto japonês viu a bola através da imprensa, e constatou que era sua, pois seu nome estava escrito nela.

Presente

Misaki Murakami afirmou que a bola foi lhe dada como um presente de despedida de seus amigos de escola, quando ele foi para outro colégio. O adolescente mora na cidade de Rikuzentakata, uma das províncias de Iwate que foi mais atingida pelo tsunami de 11 de março. Na bola, há a mensagem “Força Misaki Murakami!”.

O garoto declarou que ficou feliz por terem encontrado a bola, pois ele acreditava ser praticamente impossível encontrar qualquer pertence depois da tragédia. Através de um telefonema, o menino agradeceu aos norte-americanos, que irão até o Japão para devolverem a bola pessoalmente a Murakami.